ir direto para o conteúdo ir direto para as editorias

Mapa-Mundi.com - Redefinindo o luxo de viajar - Turismo de Luxo, Cruzeiros, Arte e Design, Primeira Classe, Compras, Baladas

Buscar no Mapa-Mundi


Visite a Noruega: Bergen

Conheça as belezas da porta de entrada da região dos fiordes
« »
  1. Fløibanen
  2. Bergen no Inverno
  3. Bryggen, o
  4. Tour dos Fiordes
  5. Tour dos Fiordes
  6. Tour dos Fiordes
  7. Tour dos Fiordes
  8. Bergen KunstMuseum
  9. Kode
  10. Edward Munch no Kode3
  11. Bergen
  1.    Fløibanen
  2.    Bergen no Inverno
  3.    Bryggen, o "Cais Hanseático"
  4.    Tour dos Fiordes
  5.    Tour dos Fiordes
  6.    Tour dos Fiordes
  7.    Tour dos Fiordes
  8.    Bergen KunstMuseum
  9.    Kode
  10.    Edward Munch no Kode3
  11.    Bergen

Espremida entre montanhas e o mar, Bergen, a segunda maior cidade da Noruega foi o ponto de partida da viagem de cinco dias que fiz a esse país nórdico na primavera de 2019. Localizado a menos de duas horas de voo da maioria das capitais européias, esse lindo destino de viagem está mais perto do Brasil do que muitos imaginam.

Com menos de 300 mil habitantes, Bergen mantém ares de uma pacata cidade de interior, com casinhas tradicionais, ruas tranquilas, limpas e sem barulhos. Apesar disso, a cidade oferece excelentes opções de diversão, museus, festivais de música, ótimos restaurante e hotéis. Tudo com puro charme.

Para quem viaja de avião, a chegada no aeroporto é rápida e sem surpresas. Os passageiros do meu voo eram os únicos na disputa pelos guichês de imigração e alfândega. Assim, 30 minutos depois de pousar eu estava a caminho do meu hotel. O trajeto non-stop até a praça principal da cidade foi rápido. Desci a cerca de 100 metros da entrada do Hotel Norge by Scandic, minha casa pelos próximos três dias.

Como eu tinha pouco tempo em Bergen, escolhi o roteiro de acordo. Comecei minha visita com um passeio a pé pelo cais histórico. Fundada há mais de 900 anos, Bergen tem raízes vikings. Um dos principais entrepostos da Liga Hanseática, a cidade foi um centro comercial próspero durante centenas de anos. Desse passado, sobrou Bryggen, o "Cais Hanseático" que data do século 12: um complexo de prédios históricos coloridos, que se alinham de frente para o porto. Um passeio pelas ruelas desse patrimônio histórico da humanidade, tombado pela Unesco é o lugar perfeito para deixar Bergen te encantar.

Em seguida, a dica é curtir um pouco do estilo de vida da cidade. Escolha um dos restaurantes e bares do lugar, para provar a Fisjkesuppe, a sopa cremosa de frutos do mar, que é a mais pura expressão da gastronomia tradicional da região. Minha sugestão é o Bryggeloftet & Stuene, um restaurante que serve essa receita desde 1910. 

Na manhã seguinte, logo depois do café, caminhei os cinco quarteirões que separavam meu hotel da estação Fløibanen, de onde parte o funicular. Uma vez a bordo, bastam três minutos para você percorrer 850 metros até o topo do Monte Fløyen. Do alto, 350 metros acima do nível do mar, a vista é espetacular. Além de Bergen, você pode ver os fiordes e as montanhas dos entornos, bem como  o lago Lille, ao longe.

Sete montanhas circundam a cidade. Para quem gosta de trilhas, tanto a pé quanto de bike, as opções são muitas. E várias delas começam no topo da montanha. Na minha visita, ao descer do funicular, passei direto pelo restaurante, e pela lojinha de lembranças. Fui direito para uma trilha que circundava a montanha e, aos poucos me levaria de volta ao centro de Bergen. Antes de terminar o percurso, dei uma volta pelos bairros de Sydnes e Nøstet, repletos de casinhas de madeira colorida, telhados vermelhos, e jardins bem cuidados. Foi uma oportunidade perfeita para conhecer bairros típicos.

Ainda no caminho de volta, eu passei pelo Kode. Um dos maiores museus da Noruega, ele é composto por quatro alas. O Kode 3, que eu selecionei para visitar, tem o segundo maior acervo do mundo com obras assinadas por Edvard Munch, o mais famoso artista da Noruega. 

As dimensões compactas de Bergen tornam a cidade super fácil de ser visitada. Do museu, eu caminhei 10 minutos e estava de volta em Bryggen. Depois de um rápido lanche comprado ali mesmo, no Mercado de Peixes de Mathallen, à beira do cais, eu embarquei em um tour de barco pelos fiordes mais próximos da cidade. O passeio de duas horas em um confortável catamarã climatizado chegou até regiões de paisagens lindas, passamos por canais naturais estreitos, cercados por gigantescas escarpas de rocha, pontuadas por casinhas coloridas, e as vezes escondendo imensas cascatas que caem no mar.

Foram dois dias intensos que deixaram uma vontade enorme de voltar. Minha sugestão é ficar pelo menos três noites na cidade. Para aproveitar o melhor de Bergen, compre um Bergen Card, que te dará acesso a todas as atrações, por um preço reduzido. Vale super a pena. Assim, você pode de visitar Bergen completa, e fazer ainda um passeio mais longo pelo litoral no entorno da cidade. Eu recomendo.

 

 


Enviado por: Administrador
Data de publicação: 08/09/2019 - 07:06


Comente








Magic Village

© 2005-2010 Mapa Mundi por Eduardo Alves.
Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização.

Desenvolvido por: cliointeractive