ir direto para o conteúdo ir direto para as editorias

Mapa-Mundi.com - Redefinindo o luxo de viajar - Turismo de Luxo, Cruzeiros, Arte e Design, Primeira Classe, Compras, Baladas

Buscar no Mapa-Mundi

Editorias


Por favor, verifique os dadados inseridos
Você está em: página inicial / viaje barato / tokyo

patrocínio: Mapa Mundi Concierge

Viaje Barato Assinar RSS Feed

Aumente o barato das suas viagens ou torne-as mais baratas

Tokyo

Dez dicas para você curtir ainda mais sua próxima viagem ao Japão
  1. Tokyo

Mesmo depois dos desastres naturais e nucleares de 2011, o Japão continua sendo um destino de viagem muito procurado. O Escritório Nacional de Turismo do país confirma um aumento de 21% no número de chegadas de visitante entre janeiro e agosto de 2013, em comparação com o mesmo período do ano passado.  

Se você tem planos para conhecer a Terra do Sol Nascente, aqui vão algumas dicas práticas, básicas mas valiosas, para tornar sua viagem ainda melhor:

- Não de gorjetas pois o serviço atencioso é norma no Japão, parte de uma cultura de dedicação à hospitalidade, chamada omotenashi. Em alguns restaurante a conta inclui taxa de serviço. Se não incluir, não adianta deixar dinheiro a mais. Se tentar, não se surpreenda quando o garçon te seguir na rua para devolver.

- Com cerca de 35 milhões de pessoas circulando pelas ruas, a “Grande Tóquio” é um dos centros urbanos mais densamente povoadas do mundo. No entanto, as multidões são ordenadas. Na calçada ande sempre pelo lado esquerdo. Quem tem pressa, vai pela direita.

- Antes de atravessar a rua observe o sinal de pedestres e não desrespeite as leis. Espere pelo verde para descer da calçada. 

- Nas escadas rolantes o lado esquerdo é para quem fica parado e o direito, para quem sobe os degraus em movimento. Apenas em Osaka, a posição é invertida.

- Fume dentro, beba do lado de fora. Em quase todos os bares, restaurantes e e até no trem-bala, é possível fumar dentro. Já na calçadas, é proibido, exceto em torno cinzeiros públicos. Se quiser beber nas ruas, fique a vontade. É tradição no Japão.

- Desde março de 2013 as empresas de transporte do Japão passaram a aceitar passes únicos, Suica e Pasmo. Qualquer um dos dois pode ser usado para trens e ônibus, não só na capital, mas em todo o país. Você pode obter um ao chegar, em qualquer máquina de bilhetes do aeroporto. O depósito de ¥ 500 (pouco mais de US $ 5) é reembolsável. Os passes podem ser recarregados em máquinas por toda a cidade.

- Não deixe de comer sushi em um dos restaurantes vizinhos ao famoso mercado de peixe em Tsukiji. Mas não chegue tarde. O leilão de atum maguro começa às 5 da manhã e, assim que termina, os peixes vão para a mesa. A maioria dos restaurantes fecha às 13 horas.

- Encontrar sinal de Wi-Fi gratuito é raro. Em vez de alugar um cartão SIM, eu prefiro alugar um Wi-Fi de bolso, logo no aeroporto. Depois é só encaixar no smart-phones, que eu trago de casa.

- Se você é vegetariano, atenção: comer fora no Japão não será fácil. O "sanduíche vegetal" pode ter uma fatia de presunto sorrateira. “Massas sem carne" podem ser cravejadas com pedacinhos de bacon, tal qual sua salada de batatas.

- Em qualquer época do ano, você pode ser surpreendido por uma chuva passageira. Nestas horas, a opção é o guarda-chuvas transparente. Você vai encontrá-los a venda por toda parte. As lojas de conveniência cobram entre ¥ 300 e ¥ 500, e o funcionário vai se oferecer para desembrulhá-lo para você. Aceite e agradeça com um leve gesto com a cabeça. É o arigato moderno.

Boa viagem!

Enviado por: Administrador
Data de publicação: 25/03/2014 - 09:46


Comente (0) comentários

Valor da soma incorreto
ler todos os comentários





© 2005-2010 Mapa Mundi por Eduardo Alves.
Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização.

Desenvolvido por: cliointeractive