ir direto para o conteúdo ir direto para as editorias

Mapa-Mundi.com - Redefinindo o luxo de viajar - Turismo de Luxo, Cruzeiros, Arte e Design, Primeira Classe, Compras, Baladas

Buscar no Mapa-Mundi


Mandarin Oriental, New York

Luxo, tranquilidade e elegância cinco-estrelas nas alturas de Manhattan
« »
  1. Mandarin Oriental, New York
  2. Mandarin Oriental, New York - Lobby
  3. Mandarin Oriental, New York
  4. Mandarin Oriental, New York
  5. Mandarin Oriental, New York
  6. Mandarin Oriental, New York
  7. Mandarin Oriental, New York
  8. Mandarin Oriental, New York
  9. Mandarin Oriental, New York
  10. Mandarin Oriental, New York
  11. Mandarin Oriental, New York
  1.    Mandarin Oriental, New York
  2.    Mandarin Oriental, New York - Lobby
  3.    Mandarin Oriental, New York
  4.    Mandarin Oriental, New York
  5.    Mandarin Oriental, New York
  6.    Mandarin Oriental, New York
  7.    Mandarin Oriental, New York
  8.    Mandarin Oriental, New York
  9.    Mandarin Oriental, New York
  10.    Mandarin Oriental, New York
  11.    Mandarin Oriental, New York

Cidade que não dorme. Que não para. Que faz notícia todos os dias: Nova York encanta muitos milhões de visitantes a cada ano. Quase todos voltam para casa acreditando que  o colorido e frenético caos urbano é uma força intransponível. Mas isso não é verdade. Principalmente se você se hospeda no luxuoso cinco-estrelas, Mandarin Oriental, New York.

O hotel ocupa os andares mais altos de uma das imponentes torres de vidro preto, do Time Warner Center, em Columbus Circle. Debruçada sobre uma quina do Central Park (ao sul, no lado oeste), o prédio é um ícone da paisagem urbana de Manhattan.  

Mesmo sendo um hotel nas altura, a magia começa no nível da rua. Ao entrar no gigantesco hall, com pé direito triplo, eficientes porteiros super bem vestidos lhe dão as boas vindas e te encaminham para a recepção. No elevador, do térreo ao 35 andar são apenas alguns segundos, sem paradas.  

Ao desembarcar a primeira vista do lobby circular impressiona. A peça central é uma linda escultura em vidro soprado branco, criada por Dale Chihuly (que poder!!!). De um lado fica o Concierge Desk, Do outro a recepção. Ao fundo, “de longe”, as janelas do bar e restaurante, The Aviary: o “ponto de encontro” mais concorrido do Mandarin.

É também nesse piso aonde fica o Restaurante Asiate. Aberto para café-da-manhã, almoço e jantar, esse é um dos meus endereços gastronômicos favoritos em Nova York. E por isso, fiz uma nova reportragem sobre o restaurante que você pode ler nesse link.  

Um conjunto separado de elevadores, que partem de um anexo ao saguão, leva os hóspedes para os aposentos, que ficam nos andares superiores, de 37 a 57. Minha suíte, no 47 estava na metade, mas não tinha nada de nota 5. Tudo nota 10.  

Os quartos do Mandarin Oriental em New York têm os luxos e comodidades que fazem da cadeia Mandarin uma das melhores do mundo. São amplos, absolutamente silenciosos, com decoração suntuosa e minimalista. Ultra chic & simple!

A arquitetura do prédio permite que todos os aposentos tenham janelas panorâmicas, com vistas para a cidade. Elas se tornam imediatamente o ponto alto da decoração. Além de algumas obras nas paredes - fotografia contemporânea e arte chinesa - meu apartamento tinha uma ampla mesa de trabalho; cama king-size com lençóis Fili D’oro, de milhares de tramas; uma mega televisão FullHD; um sofá-lounge estrategicamente colocado perto da janela, e um mini-bar recheado de delícias.

Também marca registrada da cadeia Mandarin, a sala de banhos era linda. Toda em granito preto e branco, om chuveiro tipo “rain-shower”; banheira separada, com sais de banho Red Flower; televisão de tela-plana; produtos de beleza e amenidades Atelier Cologne; e é claro, toalhas enormes, lindas, novas e muito fofas.

Além de oferecer um SPA, o Mandarin Oriental, New York tem também uma sala de ginástica completa, com equipamentos de última geração e mimos como toalhinhas umedecidas; água gelada aromatizada com pepinos e laranjas; fones de ouvido; e TVs individuais nos equipamentos de cardio. O health-club oferece ainda sauna seca e a vapor, separadas para homens e mulheres. Isso sem falar na piscina com 23 metros, de água aquecida e vista panorâmica para o Rio Hudson. Imperdível. Um mergulho “nos céus”. 

Mesmo em um hotel repleto de superlativos, são os pequenos detalhes que te me fazem sentir ser um convidado especial. O chá servido no quarto logo após a chegada. Um livro escolhido na lista atual de best-sellers, de presente, na cabeceira da cama. Os chinelinhos felpudos para usar e levar para casa, o conforto dos travesseiros. Além disso, é impossível avaliar o Mandarin Oriental, New York sem falar na eficiência, educação e apresentação dos funcionário. Todos nota 10. Bem como o hotel.

Parabéns Mandarin Oriental, New York! #ImAFan

 

 

 

 

Enviado por: Administrador
Data de publicação: 22/03/2019 - 12:12


Comente (0) comentários

ler todos os comentários








© 2005-2010 Mapa Mundi por Eduardo Alves.
Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização.

Desenvolvido por: cliointeractive