ir direto para o conteúdo ir direto para as editorias

Mapa-Mundi.com - Redefinindo o luxo de viajar - Turismo de Luxo, Cruzeiros, Arte e Design, Primeira Classe, Compras, Baladas

Buscar no Mapa-Mundi


Viver no Mar

Seja proprietário de um apartamento flutuante em um navio 5 estrelas
« »
  1. Lazer cinco estrelas
  2. A marina flutuante
  3. O helideck
  4. O jardim de inverno
  5. Piscina Interna
  6. O observatório estrelar
  7. O bar panorâmico
  8. As cabines são como apartamentos
  9. A delicatessen
  10. Cozinha de um dos apartamentos
  1. Viver no Mar
  2. Lazer cinco estrelas Lazer cinco estrelas
  3. A marina flutuante A marina flutuante
  4. O helideck O helideck
  5. O jardim de inverno O jardim de inverno
  6. Piscina Interna Piscina Interna
  7. O observatório estrelar O observatório estrelar
  8. O bar panorâmico O bar panorâmico
  9. As cabines são como apartamentos As cabines são como apartamentos
  10. A delicatessen A delicatessen
  11. Cozinha de um dos apartamentos Cozinha de um dos apartamentos

Você gosta de viajar de navio e está procurando um bom investimento? Então, aqui vai uma dica: que tal comprar um apartamento no Magellan? Desque quando foi lançado ao mar, em 2010, ele é o maior e mais luxuoso navio-condomínio do mundo.

Construído a um custo de US$ 750 milhões, o Magellan tem 240 metros de comprimento, 30 metros de largura, heliponto com dois helicópteros, marina retrátil, cassino, spa, quatro restaurantes, teatro para 430 pessoas e duas piscinas: tudo espalhado por 15 andares, entregues às mãos de uma tripulação de 500 profissionais.

A bordo, apenas 212 unidades residenciais. Variando entre 60 e 162 metros quadrados. Todos com amplas salas de jantar e estar, cozinha e varanda.

As duas únicas coberturas, de quatro quartos, foram vendidas antes do lançamento e nunca voltaram para o mercado. Os donos adoram suas estadas "al mare". Cada uma custou, na planta, US$ 9 milhões.

No momento, há unidades a venda com preços que vão de US$ 3,7 milhões - custo de um apartamento de 105 metros quadrados, com dois quartos e dois banheiros -, até US$ 7,8 milhões, para unidades maiores, com 3 banheiros, um lavabo e três quartos.

Quem preferir pode também comprar cotas de uso dos apartamentos. Nesse sistema de time-share, os preços para 15 dias anuais de uso variam entre US$ 90 mil, pelos apartamentos de um quarto, e US$ 650 mil, para as unidades de três quartos.

O contrato é bem semelhante ao de um imóvel convencional. As unidades sào adquiridas em sistema de lease, válido por 50 anos, e podem ser revendidas ou alugadas.

A diferença nesse caso é que o Magellan é um imóvel em movimento. Ele dá uma volta ao mundo a cada dois anos. Lisboa, Monte Carlo, Alexandria, Phuket, Rio de Janeiro, Acapulco, Grand Cayman, Nova York, Estocolmo, Buenos Aires, entre os 75 portos, fazem parte da rota.

Tal qual outros imóveis de alto luxo, a taxa de condomínio anual do Magellan é bem salgada. A conta varia entre US$ 6,5 mil, para quem tem uma cota de 15 dias de time-share, nos apartamentos de um quarto, até US$ 216 mil, para os proprietáriios das unidades de 162 metros quadrados.

Fotos: Divulgação

Enviado por: Administrador
Data de publicação: 24/12/2013 - 15:00


Comente (0) comentários

ler todos os comentários










Sites Favoritos do Editor

Os endereços da web preferidos de Eduardo Alves


. .

© 2005-2010 Mapa Mundi por Eduardo Alves.
Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização.

Desenvolvido por: cliointeractive