ir direto para o conteúdo ir direto para as editorias

Mapa-Mundi.com - Redefinindo o luxo de viajar - Turismo de Luxo, Cruzeiros, Arte e Design, Primeira Classe, Compras, Baladas

Buscar no Mapa-Mundi


American Airlines First Dining

Aérea oferece restaurantes cinco estrelas para passageiros Premium
« »
  1. Flagship First Dining
  2. Convite para o Flagship First Dining
  3. Bar e lounge do Flagship First Dining
  4. Flagship First Dining
  5. Carta de vinhos e bebidas no Flagship First Dining
  6. Atum e lagosta nas entradas, servidas no Flagship First Dining
  7. Delícias gastronômicas no Flagship First Dining
  8. Serviço 5-estrelas no Flagship First Dining
  9. Serviço 5-estrelas no Flagship First Dining
  10. Suítes privativas no Flagship Lounge
  11. American Airlines Flagship Lounge
  1.    Flagship First Dining
  2.    Convite para o Flagship First Dining
  3.    Bar e lounge do Flagship First Dining
  4.    Flagship First Dining
  5.    Carta de vinhos e bebidas no Flagship First Dining
  6.    Atum e lagosta nas entradas, servidas no Flagship First Dining
  7.    Delícias gastronômicas no Flagship First Dining
  8.    Serviço 5-estrelas no Flagship First Dining
  9.    Serviço 5-estrelas no Flagship First Dining
  10.    Suítes privativas no Flagship Lounge
  11.    American Airlines Flagship Lounge

Para os viajantes frequentes, e portadores de passagens de Executiva e Primeira Classe, viajar de avião nunca foi tão confortável, tranquilo e, agora, delicioso. Principalmente, desde a inauguração dos Flagship First Dining.

Me refiro aos restaurantes com menu a la-carte, bebidas premium e serviço de maitres e garçons, instalados nas salas VIP Flagship Lounge, da American Airlines. O acesso é para poucos. E a experiência é ultra-exclusiva. 

Oferecido apenas aos passageiros que pagam os bilhetes mais caros, ou que viajam com muita frequência, os lounges estão presentes nos aeroporto de Miami (MIA), Nova York (JFK) e Los Angeles (LAX). Outros abrirão em breve em Dallas (DFW) e Londres (LHR).

Na minha mais recente viagem aos Estados Unidos, tive a oportunidade de visitar o lounge do Terminal D, do aeroporto Internacional de Miami. Meu convite para o First Dining veio também com o serviço de Concierge Key.

Da porta do avião, do qual desembarquei para a conexão de volta ao Rio, fui levado até o lounge em um carrinho elétrico, pilotado por uma simpática concierge da American. Ela me acompanhou até a entrada da área principal de salas VIPs, em frente ao portão D30

Lá existem o Admirals Club, cujo acesso é oferecido para membros que pagam uma anuidade ou uma visita (cerca de U$65 por pessoa). Tem também o Flagship Lounge, aberto aos passageiros da Classe Executiva, e ao viajantes com status Safira ou Esmeralda, em qualquer companhia aérea da aliança One World. Dela fazem parte Latam, British Airways, Iberia, Qatar Airways, e outras.

O Flagship lounge é amplo, tem salas de descanso; de televisão; espaço kids; sala de chá; um enorme bar self-service, e também um buffet com pratos quentes e frios. O lounge oferece ainda suítes individuais luxuosas, com chuveiro, e espaço para trocar de roupa privativo. Tudo free.

Em um canto do lounge, por trás de uma parede revestida de blindex preto, encontra-se a área Flagship First Dining. Para entrar, é preciso convite.

Fui recebido na porta por uma simpática atendente, que ajudou com a bagagem de mão me acomodou no ambiente do bar. Em seguida veio a carta de vinhos. A seleção feita pelos Master Sommeliers, Bobby Stuckley e Desmond Echavarrie, inclui 10 rótulos.

Comecei com uma taça de champagne Krug. Outros destaques eram um Chardonay Hudson Vineyards (Califórnia) e um Bordeaux Cos d’Estournel (França). A seleção de bebidas oferece também quatro opções de drinks, criados pela mixologista, Pamela Wiznitzere, e a vasta lista de bebidas ultra-premium do open-bar.

O cardápio do jantar trazia cinco opções de entrada e seis de pratos principais. Como eu viajava acompanhado, tivemos a oportunidade de provar quatro receitas.

As entradas foram a lagosta da Flórida, servida sobre geléia de mariscos, e o tartar de atum, preparado à moda coreana, Yukke. Ambos estavam frescos e deliciosos. 

 Como prato principal, escolhemos as vieiras salteadas com purê de ervilhas, e batatas assadas na manteiga. A segunda opção foi um fillet-mignon, servido com molho de amoras, repolhos de Bruxelas caramelados, e batatas assadas, fatiadas bem fininhas. Tudo muito gostoso.

Depois dessa maravilhosas experiência gastronômica, decidimos guardar um pouquinho de fome para comer a sobremesa a bordo. Isso porque, o menu servido na Flagship Business Class, também é delicioso. Naquela noite, tive a impressão que o voo direto para o Rio nunca passara tão rápido. 


Parabéns, American Airlines!

 

 

 

 

 

Enviado por: Administrador
Data de publicação: 02/05/2019 - 08:20


Comente (0) comentários

ler todos os comentários







Magic Village

© 2005-2010 Mapa Mundi por Eduardo Alves.
Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização.

Desenvolvido por: cliointeractive